Arquivo da tag: redes sociais

Redes sociais – criar e gerir crises

Gestão de CriseSe já era delicado lidar com o gerenciamento de crises em um mundo analógico, em que o consumidor/usuário tinha pouca voz, esses melindres foram amplificados agora. Cada cidadão é uma mídia em potencial, gerando conteúdo e, principalmente, formando opiniões. As crises existem, podem ser pequenas ou catastróficas. Não podem ser evitadas em absolutos 100% das vezes, mas, na maioria do casos, podem ser prevenidas. Continuar lendo

Anúncios
Etiquetado , , , , , , , , , , , ,

Gente diferenciada

Gente diferenciadaEmbora as redes sociais tenham sido planejadas como um ambiente acima de gênero e outras especificações, a evolução das estratégias mercadológicas ampliou as possibilidade do negócio e promoveu uma segmentação. Continuar lendo

Etiquetado , , , , , ,

Redes sociais e as “marcas pessoais” no jornalismo

Um dos principais ativos de um jornalista é a sua reputação, mas hoje ele não precisa necessariamente construí-la junto a uma redação tradicional.

O State of the Media, relatório anual sobre mídia e tecnologia, indicou o crescimento das “marcas pessoais” frente às “marcas institucionais” como uma das grandes tendências no jornalismo. Essa dinâmica, sutil e silenciosa, acontece quando o profissional utiliza plataformas de redes sociais, microblogs e blogs para construir a sua própria reputação, audiência e marca pessoal, sem necessariamente estar ligado a uma redação. Essa construção “independente” é alimentada pela alta rotatividade nas empresas e pelas oportunidades abertas com os sistemas de publicação e a cultura de autoexpressão na web.
Continuar lendo

Etiquetado , , , , , , ,

Morte anunciada ou futuro próximo?

A preocupação vai além: quem lê, até o final, os textos publicados em blogs ou qualquer outro espaço na internet?

Os blogs eram considerados, há uma década, como uma das respostas ao futuro do jornalismo e da internet, mas essa situação mudou. Com o desenvolvimento das redes sociais e plataformas móveis, o foco dos internautas mudou. Entretanto, especialistas afirmam que, para determinados nichos temáticos, os blogs ainda têm sua utilidade. Leia mais.

Etiquetado , , , , , , , , ,

Morte anunciada ou futuro próximo?

futuro_blog

O formato blog, antes considerado tão revolucionário quanto a invenção de Gutenberg, agora está relegado ao passado digital?

Os blogs eram considerados, há uma década, como uma das respostas ao futuro do jornalismo e da internet, mas essa situação mudou. Com o desenvolvimento das redes sociais e plataformas móveis, o foco dos internautas mudou. Entretanto, especialistas afirmam que, para determinados nichos temáticos, os blogs ainda têm sua utilidade. De um lado, argumentos como o apresentado na revista The Economist, que apontou a existência de centenas de milhares de blogs sem atualização nos últimos 12 meses. Além disso, eles disputam espaço com ferramentas como o Tumblr, que aumentam a facilidade de uso e estimulam posts rápidos – apenas uma foto ou vídeo. Mas, por outro lado, os blogs oferecem a possibilidade de textos mais detalhados e que permitem comentários de qualquer usuário, e não apenas dos amigos do autor no Facebook, por exemplo. Empresas encaram os blogs como uma forma de se aproximar dos consumidores, e ferramentas como o lifestreaming, que concentra todo o fluxo de conteúdo produzido por uma pessoa em um único lugar – posts em blogs, atualizações em redes sociais, publicação de fotos, podem dar novo fôlego a esse tipo de mídia.

Nesta entrevista, o jornalista e blogueiro-referência Ricardo Noblat diz que aposta na convivência entre os diversos espaços disponíveis para a informação.

Etiquetado , , , , , , , , , ,
%d blogueiros gostam disto: